LIVRO DE ATAS

SUBMISSÃO DO TEXTO INTEGRAL ATÉ 30 DE ABRIL

A Comissão Organizadora do XIII Congresso da Sopcom convida os autores que apresentaram trabalhos durante o evento a submeter o texto integral das suas comunicações, para publicação no Livro de Atas do Congresso. Os manuscritos serão submetidos a revisão de pares, devendo a obra ser publicada até 30 de setembro.

Indicações para a preparação do texto e respetiva submissão estão disponíveis aqui.

 

Conferência de abertura

Susana de Andrés

Professora de Ética da Comunicação na Universidad de Valladolid, em Espanha, Susana de Andrès é coautora do livro Comunicación Radical (2022). Doutorada em Ciências da Informação pela Universidad Complutense de Madrid (Espanha), tem como interesses de investigação a comunicação inclusiva, responsável, com fins sociais e solidários.

Comunicación lenta. Comunicación radical

Conferência de abertura :: 24 de janeiro de 2024 :: 10h15

Conferência de encerramento

Manuel Pinto

Professor Emérito da Universidade do Minho, foi jornalista, provedor dos leitores do Jornal de Notícias e membro do Conselho Geral Independente da RTP. Ao longo da carreira académica, tem investigado nas áreas de Sociologia dos Média e das Políticas de Comunicação, tendo-se especializado em Literacia para os Média.

Campo comunicacional: entre muros e pontes

Conferência de encerramento :: 26 de janeiro de 2024 :: 16h00

Conferência de abertura

Susana de Andrés

Professora de Ética da Comunicação na Universidad de Valladolid, em Espanha, Susana de Andrés é coautora do livro Comunicación Radical (2022). Doutorada em Ciências da Informação pela Universidad Complutense de Madrid (Espanha), tem como interesses de investigação a comunicação inclusiva, responsável, com fins sociais e solidários.

Comunicación lenta. Comunicación radical

Conferência de abertura :: 24 de janeiro de 2024 :: 10h15

Conferência de encerramento

Manuel Pinto

Professor Emérito da Universidade do Minho, foi jornalista, provedor dos leitores do Jornal de Notícias e membro do Conselho Geral Independente da RTP. Ao longo da carreira académica, tem investigado nas áreas de Sociologia dos Média e das Políticas de Comunicação, tendo-se especializado em Literacia para os Média.

Campo comunicacional: entre muros e pontes

Conferência de encerramento :: 26 de janeiro de 2024 :: 16h00

DESTAQUES DO PROGRAMA

Comunicação e liberdade

Sessão plenária :: 24 de janeiro :: 11h45 : Auditório B1

Joaquim Furtado José Pacheco Pereira

Um debate sobre as implicações da liberdade hoje, 50 anos depois da Revolução de Abril, entre Joaquim Furtado, que deu voz ao primeiro comunicado do Movimento das Forças Armadas no dia 25 de Abril de 1974, no Rádio Clube Português, e José Pacheco Pereira, historiador e cronista, criador do Ephemera e colaborador regular de vários meios de comunicação social.

 

Comunicação e sustentabilidade

Sessão temática 1 :: 25 de janeiro :: 11h30 : Auditório B1

Joaquim Fidalgo Sónia Sebastião Manuel Chaparro

 

Transversalidade das Ciências da Comunicação

Sessão temática 2 :: 25 de janeiro :: 11h30 : Auditório B2

Rosa Franquet Carlos Toural  José Gomes Pinto Juliano Domingues

 

Tecnologias, inteligência artificial e culturas digitais

Sessão temática 3 :: 26 de janeiro :: 14h30 : Auditório B1

Paulo Nuno Vicente Lídia Oliveira Luís Miguel Pedrero

 

Diversidade cultural e comunidades criativas

Sessão temática 4 :: 26 de janeiro :: 14h30 : Auditório B2

Rita Ribeiro Inês Beleza Barreiros Augusto Fraga

 

COMUNICAÇÃO, CULTURAS E COMUNIDADES

Que desafio propomos à maior comunidade de investigadores em comunicação existente em Portugal? Um olhar sobre a comunicação, como processo cultural estruturante das comunidades humanas. Promovendo a comunicação como motor de cidadania e de fortalecimento das comunidades, queremos fazer deste congresso um marco no reforço do reconhecimento do papel da comunicação nos processos culturais e nos desafios societais.

COMUNICAÇÃO, CULTURAS E COMUNIDADES

Que desafio propomos à maior comunidade de investigadores em comunicação existente em Portugal? Um olhar sobre a comunicação, como processo cultural estruturante das comunidades humanas. Promovendo a comunicação como motor de cidadania e de fortalecimento das comunidades, queremos fazer deste congresso um marco no reforço do reconhecimento do papel da comunicação nos processos culturais e nos desafios societais.

INDICAÇÕES PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS

 

Consulte aqui as indicações para apresentação de trabalhos.

O programa desta edição do congresso da Sopcom está organizado em momentos plenários ou semiplenários e momentos de sessões paralelas dos Grupos de Trabalho. Estão previstas 57 sessões paralelas, distribuídas por seis blocos horários de 90 minutos cada (9 ou 10 sessões em cada bloco). Cada sessão contará com quatro ou cinco comunicações.

+

Indicações para apresentação de trabalhos

Consulte aqui as indicações para apresentação de trabalhos.

O programa desta edição do congresso da Sopcom está organizado em momentos plenários ou semiplenários e momentos de sessões paralelas dos Grupos de Trabalho. Estão previstas 57 sessões paralelas, distribuídas por seis blocos horários de 90 minutos cada (9 ou 10 sessões em cada bloco). Cada sessão contará com quatro ou cinco comunicações.

Programa Social

Programa Social

COUNTDOWN